Feriado Olímpico – Rio 2016 #1

Oi pessoal, tudo bem com vocês? Espero que sim!

Hoje venho compartilhar um pouco do que fiz no primeiro feriado referente às Olimpíadas que estão ocorrendo aqui no Rio de Janeiro.

O prefeito havia decretado 3 feriados: 05/08, 18/08 e 22/08, porém semana passada decretou – em cima da hora – mais um devido ao trânsito: 04/08... Ou seja, a semana útil foi bem curta.

Ainda assim não fiz absolutamente nada de interessante na quinta-feira, então vamos começar pela sexta (05/08) mesmo. 


Eu e o Léo passeamos pelo Boulevard Olímpico (Porto Maravilha) e foi uma surpresa agradável para nós vermos a segurança tão reforçada. Não tirei nenhuma foto, mas as ruas contavam com a PM, a PRF, o BPChq, os PQD's do exército e etc... FORTEMENTE armados... E quando digo fortemente me refiro aos tanques de guerra! Sinceramente nunca, em toda a minha vida, me senti tão segura nessa cidade. Nós jogamos Pokemón GO (em breve farei um post sobre) tranquilamente e conseguimos capturar mais de 30 pokemóns sem medo de sermos assaltados.

O passeio é maravilhoso, porém longo. Andamos muito e ficamos extremamente cansados, mas as dores nas pernas (que perduram até hoje) valeram a pena. Há muita coisa legal e recheada de cultura para ser vista.




Só visitamos duas casas até agora e uma delas foi a Casa do Brasil. Pelo o que o Léo me falou não fomos na 'oficial', mas mesmo assim foi bem interessante pois tivemos contato com um pouco história do país.












 
Não ficamos lá por muito tempo, pois sabíamos que tínhamos muitas coisas para olhar e continuamos andando.





Apareceram muitos pokemóns aquáticos nas redondezas do Museu do Amanhã.


O que eu mais estava (estou) ansiosa para visitar era (é) a Casa de Portugal, mas ela só seria aberta para visitação no dia seguinte e ainda não voltamos lá – mas iremos.


E como ninguém é de ferro, nós não resistimos e nos rendemos aos famosos (e caros) food trucks que estão lindamente espalhados por todo Boulevard Olímpico.


Compramos esse hamburguer pelo simples fato dele ser preto. Nada mais.

Até que é gostoso, mas não é nada surpreendente... Inclusive prefiro os podrões da esquina que custam R$5,00. Aliás, esse custou R$25,00 sem batata – o que é caro pro meu bolso, porém são 160g de carne e é artesanal, então ACHO que é justo.

Ah, o pão tem gosto de... Pão! Rs.
 Já esses hambúrgueres e essa batata são MA-RA-VI-LHO-SOS! E um pouco mais baratos. O da direita (com bacons) custou 22 reais com 180g de carne e o da esquerda 20 reais com 160g de carne. A batata custou R$12,00. Queria lembrar o nome do food truck pra indicar pra vocês, mas a lesada não tirou foto das embalagens.

Enquanto comíamos assistíamos uns doidos pulando de bungee jump no stand da Nissan. Deus me livre!

E, como se já não bastasse, nós fomos para General Severiano (já fiz um post sobre uma festa que fui lá) conhecer a Casa da Áustria.


Nessa casa pudemos conhecer um pouco da cultura da Áustria de uma forma bem descontraída: Música e bebidas! Também há comidas típicas por lá, mas ficamos pouco tempo e após os hambúrgueres estávamos sem fome, mas acompanhei muitos elogios a elas nas redes sociais.

 



 
Entretanto não posso deixar de mencionar que fiquei muito decepcionada com a forma que utilizaram o espaço de General Severiano: Não passaram das escadas! Pesquisei um pouco e li algumas pessoas dizendo que para ter acesso a padaria que – pelo que eu entendi – fica dentro da Mansão, você precisa pagar R$1.250,00 e tem direito a comer o que quiser... Se isso for verdade é um absurdo! 

Porém com ou sem padaria tenho certeza que o espaço poderia ter sido muito melhor aproveitado, pois – ao menos no horário que eu fui, antes das 20h – me senti numa balada lotada, só que com crianças, idosos e bebês no meio.

Ah, os atendentes não falam português, ok? E muito mal arranham no inglês. Me pergunto o que seria dito sobre a Casa do Brasil se a mesma estivesse na Áustria e nossos atendentes não tivessem estudado o básico do idioma deles. Mas enfim...

É uma boa casa, especialmente para ir durante o dia – pois fica mais vazia.

E é isso!

No sábado iríamos até a casa da Dinamarca e depois a da França, mas após alguns imprevistos acabamos indo pra Lapa mesmo e lá não tinha nada relacionado às Olimpíadas além de dezenas de gringos! Rs.

Há mais coisas para serem mostradas/ditas/feitas sobre/no Boulevard Olímpico, porém decidi usar apenas fotos que eu e o Léo tiramos e falar apenas sobre coisas que nós fizemos. Se quiserem informações detalhadas é só pesquisar, há muitas reportagens legais e linkei algumas delas no post.

O que acharam das fotos? Já visitaram alguma casa? Me contem nos comentários.

Até a próxima! <3

Você também poderá gostar de:

14 comentários

  1. Que incrível adoramos as fotos, um sonho ♥
    Beijos
    Vou Arrasar

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito da postagem. ^^ Pelo jeito tem muita coisa legal para visitar. =)
    Bom, não vou conhecer o Boulevard Olímpico pessoalmente (bem que gostaria) mas me senti conhecendo um pouco desse espaço através desse postagem. ^^ Achei bem interessante você mostrar o seu ponto de vista e as suas fotos (e do Léo) na postagem, fica mais pessoal e aproxima mais o leitor do escritor (pelo menos é a impressão que eu tenho).
    Beijinhos ♥

    Contadora de Histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado e captado a ideia, Débora! <3

      Excluir
  3. Passando pela net encontrei o seu blog, estive a folhear achei-o muito bom, feito com muito bom gosto,sim , gostei do que vi e li.
    Tenho um blog que gostava que conhecesse. O Peregrino E Servo.
    PS. Se desejar fazer parte dos meus amigos virtuais faça-o de forma a que eu possa encontrar o seu blog para o seguir também.
    Que haja paz e saúde no seu lar.
    Sou António Batalha.
    Peregrino E Servo.

    ResponderExcluir
  4. Olá lindona,
    sabe como amo seu blog né. rs
    Olha.. Eu moro no RJ mas, ainda não fui ver como está o RJ nessas Olimpíadas. Estou amando cada foto.
    Fiquei boba com o preço do hambúrguer sem a batata rsrsr(uma fortuna), mas estava tudo muito bonito.

    PS: Te indiquei para uma TAG bem divertida, espero que goste e participe vou deixar o link aqui caso queira: http://www.meumundosecreto.com.br/2016/08/tag-de-tudo-um-pouco.html

    Beijocas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente os preços estavam absurdos, mas a cidade ficou linda e muito segura!
      Fico feliz que goste do blog, Vanessa! Também amo o seu! <3

      Excluir
  5. oii Bella!
    Deve estar demais por ai né?
    Adorei as fotos!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br
    Vídeo novo: https://www.youtube.com/watch?v=tn360ONqGHc

    ResponderExcluir
  6. Não, nunca visitei. Mas fiquei curiosa com o hamburguer preto. rs
    Você escreve bem, flor.

    http://www.lindaepratica.com.br/

    ResponderExcluir