Pode ser a última vez

Oi pessoal, tudo bem com vocês? Espero que sim.

Ontem foi aniversário do meu pai, mas só sairei com ele amanhã, portanto postarei sobre dia 24. 

Hoje trago uma reflexão sobre relações humanas que fiz após o "acidente" que ocorreu na ciclovia Tim Maia, em São Conrado.

Não falarei sobre política, mas deixo aqui registrada a minha indignação e o meu pesar pelas famílias que perderam entes queridos por conta de uma série de fatores imperdoáveis que causaram o desabamento dessa ciclovia (que custou 44 MILHÕES e demorou 2 ANOS para ser entregue).


A nossa única certeza é a morte, mas nunca estamos preparados pra perder alguém - ainda que seja a hora - e os mortos recebem mais flores do que os vivos porque o remorso é mais forte que a gratidão. Por quê?

Se é difícil lidar com algo que nos é garantido desde nosso primeiro dia de vida, por que não somos gratos pelo tempo que nos é dado e valorizamos diariamente as pessoas que amamos e temos ao nosso lado? Já que por mais que saibamos que todos morrerão, não sabemos como ou quando isso ocorrerá.

Assisti na televisão a esposa de Eduardo Marinho (uma das vítimas da tragédia) chorando ao lado do corpo do marido - lamentando seu inesperado falecimento - e fiquei muito tocada com a imagem. 

Só de me imaginar no lugar dela senti meus pulmões comprimirem e o meu coração acelerar. 

Será que naquela manhã de quinta-feira eles disseram um pro outro o quanto se amavam? Será que dormiram abraçados na noite anterior? Será que não havia nenhuma mágoa ou mal entendido no relacionamento?

Eduardo não estava doente, não havia ameaça iminente conhecida. Ele apenas corria, como fazia todos os dias, no exato momento em que a ciclovia despencou. 

Pode acontecer com qualquer um de nós ao atravessarmos a rua.

Agora pergunto a vocês, meus leitores, após ter consciência de tudo isso vale a pena prolongar uma discussão? Priorizar o orgulho? Ir se deitar sem resolver uma situação?

Valeria a pena conviver também com o arrependimento, além do vazio deixado que por si só já é insuportável?

Como se sentiriam se - após terem dito coisas ruins para alguém que amam - acontecesse algo horrível com ele e vocês nunca mais pudessem vê-lo?

Não seria melhor perdoar, pedir perdão, conversar, esclarecer... Criar boas lembranças que após a dor devastadora da perda dariam lugar a uma saudade prazerosa?

"Devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas, pode ser a última vez que as vejamos."

Valorize e reconheça.

Sempre pode ser a última vez.

Até a próxima!

Você também poderá gostar de:

29 comentários

  1. Eu adorei a forma com que você aborda assuntos sérios de uma forma sutil sendo leve para os olhos e "ouvidos". eu amei seu blog e não poderia de deixar de segui-la, parabéns pelo trabalho, e se quiser seguir de volta eu ficaria muito feliz ♥
    lravilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Bella,
    Amei sua reflexão! Acho tão importante perdoar, pedir perdão, conversar, esclarecer e me despedir sempre com um abraço apertado e um beijo gostoso.
    Tenha um excelente fim de semana!
    Bjs❤
    Abrir Janela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Temos que fazer isso todos os dias com quem amamos! <3

      Excluir
  3. Bella
    Bem verdade seu post e cheio de perguntas conscientes e reflexões sobre a vida. Também fiquei tão entristecido em ver a esposa se despedir do marido. A vida é mesmo uma caixa de surpresas e nunca sabemos o que acontecerá daqui a alguns minutos/segundos. Perdoar sempre esse é o lema.

    Bjos e bom final de semana,
    Blog: DMulheres
    Instagram : @dmulheres

    ResponderExcluir
  4. Penso como você Bella... parabéns pelo texto e pela maneira como você consegue se expressar e passar pra gente exatamente aquilo que pensa.

    Beijo !

    | O Blog Que Não é Blog |

    | Instagram: @aquelenaoblog |

    | Julinha e os Vídeos - Canal no Youtube |

    ResponderExcluir
  5. Achei o acontecimento da ciclovia algo muito triste. Fiquei extremamente chocado ao ver que um acidente do gênero ocorreu após 4 meses de inauguração. Mas enfim o que aconteceu já aconteceu. Espero que os familiares dos envolvidos consigam ter forças para seguir em frente.

    Abraços,

    Blog Decidindo-se \o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É imperdoável o que aconteceu. Um completo absurdo! Inadmissível!

      Excluir
  6. Oi, Bella!
    Eu achei um absurdo aquela ciclovia. Ela só foi "acoplada" na estrada. Muita vergonha mesmo...
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  7. Eu não consigo imaginar, Bella, a dor das famílias que perderam entes queridos nesse acidente absurdo. Espero que um dia elas consigam alento de alguma forma. Nessas horas fico pensando que quando saímos de casa não temos nunca a certeza de voltar.. Temos mesmo é que aproveitar cada momento como se fosse o último.

    Um beijo grande e boa semana!
    Heeey, Maria! | Fanpage

    ResponderExcluir
  8. Eu adorei o post =)
    Gosto bastante de ler posts assim de reflexão!!!

    http://maisdicassempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Realmente é muito importante perdoar.
    Amei sua reflexão.
    Tudo no seu blog é realmente lindo. O layout, posts, imagens...perfeito, parabéns!
    Já estou te seguindo!
    Dá uma passada lá no meu blog quando puder, você será sempre muito bem vinda. Fiz um novo vídeo sobre a dieta Dukan. Já perdi 23 kg em 106 dias.
    Vem conferir!
    Beijão!
    http://makedamotociclista.blogspot.com.br
    Meu Twitter: @cat_343
    Meu Insta: tamiya343
    Canal no YouTube (iscreva-se)

    ResponderExcluir
  10. Nossa maravilhoso o texto, gostei da forma que você colocou seu ponto de vista. Ótimo para a gente pensar.

    Beijos
    http://pimentasdeacucar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Amamos muito lindo o post, realmente ótimo para refletirmos e colocarmos em praticas hoje pois não sabemos se o amanhã virá, muito triste mesmo ♥

    ResponderExcluir
  12. Texto lindo e muito bom para refletir né? Eu adorei e adorei a sua escrita também, parabéns!!

    ResponderExcluir
  13. senhoooooooooooooooooor o que que aconteceu? chocada </3

    http://www.16primaverasblog.com/

    ResponderExcluir